quinta-feira, 27 de maio de 2010

Saudades daqui!

Não pense que eu abondei o blog por vontade própria (se é que tem algum leitor aqui!) fui forçada a estar fora da área e na verdade ainda tô.. mas, sem mais delongas vamos aos posts!

Aparição:
No primeiro dia de aula da faculdade eu consegui pegar o 324 cidade universitária, fiquei tão feliz que achei que era fácil fácil pegar esse ônibus, porém 2 meses já estudando e eu nunca mais vi o ônibus, cheguei a acreditar que eu estava vendo coisas .. afinal, esse ônibus é fantasma.. não adianta a hora que eu chegue no ponto, ele NUNCA esta lá mesmo que eu espere 1 hora, ele nunca aparece!
Hoje como toda a rotina de manhã, acordei, tomei café, tomei banho e desci para o ponto de ônibus, fiquei exatos 10 minutos no ponto até que quem aparece? SIIIIIIIM, 324 cidade universitária!!! No começo achei que tava tendo uma alucinação, até senti um arrepio frio na espinha quando eu botei o pé na escada.. mas era real, beeeeem real, tããão real que eu fiquei impressada do outro lado da roleta e ainda tendo que abrir espaço pra MAIS pessoas que queriam entrar no maldito ônibus, mas tudo bem.. depois de ter finalmente revisto o 324 (coisa que poucos conseguem) nada poderia estragar o meu dia!

Satisfação clara:
Sabe, eu não costumo ser mal-educada ao ar livre, em público.. não falo palavrão, não arroto, faço peido silencioso .. enfim, sou bem educada pras pessoas externas... porém em casa eu simplismente me largo e ajo do jeito que eu quero e pra sacanear eu fico arrotando no ouvido da minha mãe (mas toda filha tem que ser implicante, senão não é legal). Estávamos almoçando até que eu soltei um belo de um "CARALHO EU FIZ UMA CAVEIRA FODA NA AULA HOJE" .. ela simplismente começou a discutir e brigar comigo por causa dos meus modos, mas sinceramente... existe melhor satisfação (depois de fazer xixi e cocô, claro) do que falar um belo de um palavrão? Caralho, puta que me pariu, cacete, buceta, porra, toma no cu, se fude! Acho que é a coisa mais maravilhosa que o ser humano criou depois da alienação na TV, claro.

Pobreza:
Ontem fui no aniversário de uma amiga (18 anos êÊê parabéns!) a gente foi num restaurante japônes que tem aqui que é simplismente R$43,00 pelo o rodízio.

Nota para o meu eu do futuro: Sempre peça à la carte, você se satisfaz muito rápido impedindo que você tenha prazer em ficar comendo em um rodízio, ou seja, você está gastando mais dinheiro à toa!

[..] nesse rodízio se você deixar sobrar uma peça, cada uma vai te custar R$1,50 a mais.. ou seja, se você não tem mais estômago pra comer e também não é uma pessoa rica, você é forçado a comer todas as peças para não pagar X reais a mais!

Vindo diretamente do mercado mais próximo da sua casa, ou do seu próprio puxa-saco.. tcham tcham SACOLINHA DE PLÁSTICO! (prásticooooooooooo)
Para você pobre que quer se fingir de rico e vai pra restaurante caro e não aguenta mais comer, use a sacolinha para esconder dos garçons todas as peças de comida e não ter que pagar mais por isso!

Resultado: Deve ter ido umas 30 peças dentro daquela sacolinha!
(economizando assim R$45,00 .. preço de um rodízio)

..... que o pessoal do restaurante não leia isso aqui! hahaha

Frase do dia:
Aprenda a ser humilde, porque talvez a única proposta de emprego que você vá receber depois de ter mandando 12 currículos tenha sido hoje.
(e você rejeitou.)

Um comentário:

  1. UAU!
    Que quinta-feira foda!
    Mas é mesmo. Xingar é muito BOM!

    ResponderExcluir